sexta-feira, outubro 27, 2006

Grande treta...

Receber uma carta para ir ao Centro de Emprego, apanhar chuva, ir de autocarro, chegar lá apanha chuva, e depois no centro de emprego ouvir o que já sei, depois apanhar chuva, apanhar autocarro, apanhar chuva e finalmente chegar a casa.
Não percebo porque fazem as pessoas irem lá ouvir o que já sabem, mais valia enviar uma cartinha a dizer aquilo tudo que eu lia com a maior das vontades.

3 comentários:

Susy disse...

Se não estivessemos num país burrocrático, não estariamos em Portugal! Não quero dizer com isto que Portugal só tem defeitos, até porque é um país que em certos aspectos(postivos)encontra-se em primeiro lugar e isso não podemos esquecer!
Contudo, se formos com um sorriso nos lábios e achármos que a chuva é uma benção... o dia parece-nos menos chato!!!

Jinho

OlgaMourato disse...

tem-se que levar a vida mesmo com um sorriso nos lábios senão estamos desgraçadas...


Beijinhos

Bi disse...

Sei bem o que é isso, porque já estive a dar formação no Centro de Emprego e ouvia exactamente essas queixas. Compreendo perfeitamente, mas os que realmente estão desempregados e querem trabalhar mas não podem acabam por pagar por aqueles que estão a receber subsídios e a trabalhar e a ganhar ordenados. A vida nem sempre é justa.

Vais ver que a tua sorte vai mudar em 2007...eu sei disso!!!

Abraço