quinta-feira, outubro 19, 2006

Cantinas do pré-escolar têm pouca higiene

As cozinhas das cantinas do ensino pré-escolar têm pouca higiene na confecção das refeições, alerta um estudo da associação de defesa dos consumidores Deco, publicado na revista “ProTeste” de Novembro.
Nas visitas realizadas a 30 estabelecimentos com ensino pré-escolar no Grande Porto e Grande Lisboa, a Deco detectou como principais problemas a falta de "higiene dos utensílios e das instalações das cantinas".
Neste sentido, a associação apela à fiscalização eficaz da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE).
Entre as principais razões de queixa da Deco estão as más condições de manipulação de alimentos e a falta de lavagem adequada dos pratos, colheres, garfos e mãos dos funcionários que estão em contacto com a comida.
Foram ainda encontrados contentores de lixo sujos e destapados, portas, paredes, tecto, pavimento e armazéns num estado de sujidade inaceitável, má limpeza e conservação dos equipamentos de exaustão e ventilação.
A Deco salienta que "muitas vezes, o incumprimento dos requisitos mínimos ao nível, por exemplo, da higiene do equipamento e dos utensílios resulta do desconhecimento dos funcionários", pelo que aconselha que as direcções das escolas promovam acções de formação.
Em relação às refeições servidas nestas cantinas, a Deco considera ser necessário lavar melhor as saladas e que "o peixe e os legumes continuam a estar pouco presentes", enquanto as carnes vermelhas, como vaca e porco, "continuam a ter uma oferta excessiva".

Fonte

Dá que pensar...

2 comentários:

Sofia disse...

é pena que aconteça isto! Alias, é na primeira infância que os habitos alimentares são criados! Enfim...muitas vezes o pré-escolar é esquecido, infelizmente!
Muitos beijinhos

Bi disse...

Foi graças à cantina da escola que deixei de beber leite, ganhei aversão mesmo. Só o cheiro dá-me vómitos. E tudo porque quando era miúda, a meio da manhã começava a espalhar-se pela escola o cheiro a leite aquecido, credo... parece que o estou a sentir agora.
Felizmente (ou se calhar não) agora servem os pacotes não è?

Abraço